Justiça Vacinação

Justiça decide que João Pessoa poderá vacinar trabalhadores da educação após imunizar população de rua

A decisão foi considerada uma vitória para a Prefeitura de João Pessoa, já que o início da vacinação dos moradores de rua já foi anunciado para a próxima semana, abrindo espaço para imunizar os trabalhadores da educação.

Por Hélder Loureiro Pegado

14/05/2021 às 21:03:42 - Atualizado h√°

De acordo com decis√£o proferida pela ju√≠za Cristina Maria da Costa Garcez, da 3¬™ Vara Federal de Jo√£o Pessoa, a vacina√ß√£o dos trabalhadores em educa√ß√£o no munic√≠pio de Jo√£o Pessoa est√° autorizada a ser iniciada após a conclus√£o da imuniza√ß√£o das pessoas em situa√ß√£o de rua, da popula√ß√£o carcer√°ria e funcion√°rios do sistema prisional. A decis√£o foi considerada uma vitória para a Prefeitura de Jo√£o Pessoa, j√° que o in√≠cio da vacina√ß√£o dos moradores de rua j√° foi anunciado para a próxima semana, abrindo espa√ßo para imunizar os trabalhadores da educa√ß√£o, tendo em vista que a imuniza√ß√£o do grupo relativo ao sistema prisional é atribui√ß√£o do Governo do Estado.

A vacina√ß√£o das pessoas em situa√ß√£o de rua, que seria iniciada na quinta-feira, foi adiada para a próxima semana, em decorr√™ncia de fortes chuvas que caem na cidade. Vencida essa fase, poder√° vacinar o pessoal da educa√ß√£o, conforme o planejamento j√° anunciado pelo prefeito C√≠cero Lucena no in√≠cio desta semana.

A decis√£o judicial consignou, por fim, ser "injusta a alega√ß√£o de desrespeito às orienta√ß√Ķes do Ministério da Sa√ļde", ressaltando ainda que poderia ser iniciada a vacina√ß√£o dos profissionais da educa√ß√£o se comprovada a exist√™ncia de doses de vacina suficientes para vacinar esses grupos de forma concomitante, "como fizera em rela√ß√£o às 18+ com defici√™ncia, com comorbidades, trabalhadores de sa√ļde, gestantes e puérperas com comorbidades".

A magistrada também considerou "injusta a alega√ß√£o de desrespeito às orienta√ß√£o do Ministério da Sa√ļde, devido à vacina√ß√£o de pessoas com defici√™ncia sem BPC, os hemof√≠licos e os educadores f√≠sicos que atuam no N√ļcleo Ampliado de Sa√ļde da Fam√≠lia e Aten√ß√£o B√°sica (NASF-AB), cl√≠nicas de reabilita√ß√£o e reabilita√ß√£o em domic√≠lio".

Fonte: Com ascom/PMJP
Comunicar erro
Paraiba Em Pauta

© 2021 Paraíba Em Pauta - Jornalismo Plural, de Interesse Público! Todos os direitos reservados à Pauta Comunicação LTDA.
Rua Vigário Calixto, 1754, Catolé, Campina Grande, Paraíba.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Paraiba Em Pauta