Mundo EUA

Congresso dos EUA evita paralisação do Governo Federal um dia antes da data limite

A urgência para evitar o "shutdown" corria em paralelo com outros assuntos prioritários para os congressistas.

Por Hélder Loureiro Pegado

03/12/2021 às 02:42:09 - Atualizado há

O Congresso dos Estados Unidos aprovou nesta quinta-feira (2) um projeto de lei orçamentária provisório, em uma demonstração incomum de unidade entre os partidos para manter as agências federais funcionando até 2022 e evitar uma paralisação onerosa do governo em plena temporada natalina.

Com o relógio marcando às 23h59 de sexta-feira como data limite, o Senado votou por 69 votos a 28 para estender o orçamento atual até 18 de fevereiro, uma resolução que já havia sido aprovada na Câmara dos Representantes.

A "resolução" impede que milhões de funcionários públicos sejam mandados para casa sem remuneração no meio da temporada natalina, já que parques, museus e outras propriedades e serviços federais seriam forçados a fechar.

"Fico feliz que, no final, as cabeças mais frias prevaleceram: o governo permanecerá aberto", celebrou o líder da maioria no Senado, Chuck Schumer.

"E agradeço aos membros desta câmara por se juntarem a nós quando estávamos à beira de um fechamento evitável, desnecessário e caro", acrescentou.

Analistas do Congresso esperavam que a resolução tomasse um caminho tortuoso no Senado, onde um pequeno grupo de republicanos linha-dura ameaçou suspender o projeto de lei orçamentária contra medidas impostas pela Casa Branca para retardar o avanço do coronavírus.

Dívida, Exército, creches

A urgência para evitar o "shutdown" corria em paralelo com outros assuntos prioritários para os congressistas.

Além da lei orçamentária, os legisladores devem acordar fundos orçamentários à Defesa, um tema que está distante de um consenso.

Porém, um tema mais urgente ainda surgiu nas últimas semanas, isso porque entre hoje e 15 de dezembro deverão ser discutidos o aumento ou a suspensão do limite de endividamento dos Estados Unidos, na tentativa de fugir do primeiro 'calote' federal na história da maior economia mundial.

Sem acordo neste ponto, os Estados Unidos poderá ficar sem dinheiro para honrar suas dívidas, uma situação potencialmente catastrófica para o mercado global.

Se o Congresso conseguir se ocupar de todos os assuntos a tempo, poderá também colocar em pauta o gigantesco plano de investimentos sociais e ambientais promovido por Biden e que está calculado em 1,75 trilhão de dólares.

O plano, que prevê creches gratuitas para todas as crianças e investimentos para reduzir as emissões de gases do efeito estufa no país, está paralisado no Congresso há meses.

Biden conta com essas medidas, muito populares entre os americanos, para recuperar sua popularidade, que está em queda, e finalmente consolidar seu governo.

Fonte: Com informações Reuters
Comunicar erro
Paraiba Em Pauta

© 2022 Paraíba Em Pauta - Jornalismo Plural, de Interesse Público! Todos os direitos reservados à Pauta Comunicação & Assessoria.
Rua Vigário Calixto, 1754, Catolé, Campina Grande, Paraíba, Brasil.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Paraiba Em Pauta